Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Patrinidade ou a odisseia de um tripai

Ser pai é a melhor experiência do mundo, imaginem ser pai de três, e logo de três rapazes! Este espaço vai ser dedicado às minhas peripécias como pai e à aventura mais alucinante que se pode imaginar...

Patrinidade ou a odisseia de um tripai

Ser pai é a melhor experiência do mundo, imaginem ser pai de três, e logo de três rapazes! Este espaço vai ser dedicado às minhas peripécias como pai e à aventura mais alucinante que se pode imaginar...

Recordação de um suspiro

 

Numa altura em que o meu mais velho está de férias, nada como recordar aqueles momentos que não se esquecem...

 

10416619_10204020258610105_4957008796619989524_n.j

O meu suspiro encontrou o teu e tornaram-se um. Há momentos que ficam, são insignificantes para quem não os vive mas para nós são simplesmente perfeitos. Deitados lado a lado, naquela doce ronha matinal encostámos as cabeças e ali, naquele instante, o tempo parou. Não satisfeitos com a perfeição do momento decidimos dar-lhe aquele toque que o levou... para outro nível e eternizámos a nossa cumplicidade num gesto a dois. Sublime. Tal como naquele dia, tinhas tu poucos dias, e segurava-te no meu regaço, as nossas mãos tocaram-se e, como nos filmes, viajei no tempo até um futuro distante e soube que era velhinho e lá, no nosso futuro, os papéis invertiam-se e eras tu quem me confortava e me segurava a mão. Roçámos as cabeças naquele ronronar próprio das primeiras horas da manhã e eu senti, e tu sentiste, os dois sentimos a necessidade de expressar o que nos ia na alma e soltámos aquilo que ao olho destreinado pode parecer um simples suspiro mas que para nós foi a afirmação solene da nossa união. Tal como ontem, quando subíamos no elevador e começámos a fazer barulhos baixinho com a boca e rimos como só nós. Meu grande amigo. Naquele dia, enroscados na cama ficámos ainda um pouco mais unidos, se é que isso é possível. Todos os dias me surpreendes, ainda ontem foste GIGANTE, como costumas dizer, crescido no alto dos teus dois anos estiveste à altura da situação e mimaste-me como mimaste a tua mãe. Sei que ela como eu ficamos mais calmos porque nos ajudas a isso. Parados no tempo num dia ido, lado a lado, olhámos um para o outro no escuro do quarto, aconchegámo-nos, suspirei eu e suspiraste tu, mas não fui eu antes e tu depois ou o inverso, foi no mesmo instante, o meu suspiro encontrou o teu e tornaram-se um.